PRÓXIMA PARTIDA

MAD X

17/01

16:00 h

Conselheiro Galvão

Carioca Série A - 2018

Patrocinadores:


10/03/2017 11:33

Craques universitários: Jonathan e Rodrigo Raggio conciliam rotina de treinos com vida de estudantes do ensino superior

No Brasil, os casos de jogadores que cursam ou cursaram alguma universidade infelizmente não são muito comuns. Em levantamento feito pelo site GloboEsporte.com no ano passado, apenas 15 jogadores que disputavam a Série A na época se encaixavam nesta categoria. No Madureira, Jonathan e Rodrigo Raggio fazem parte das estatísticas dos que estão cursando o ensino superior.

Cursando o terceiro período de fisioterapia na Estácio de Sá, o goleiro Jonathan já é velho conhecido da torcida Tricolor Suburbana. No clube desde 2009, quando atuava nos juniores do Madureira, o goleiro participou de momentos importantes do clube, como o título da Taça Rio de 2015.

- Às vezes saio do treino cansado e tenho que ir para a faculdade direto, mas estou dando a sorte de os treinos serem de manhã, então dá para descansar mais. É bastante correria mas é prazeroso também quando chego na faculdade e começo a aprender. Acho que o aprendizado é superimportante.

O aprendizado do goleiro não se resume à sala de aula. No dia a dia do clube, Jonathan também pode aprender sobre fisioterapia com os profissionais do clube.

- Às vezes chego mais cedo e fico no Departamento Médico falando com o fisioterapeuta, aprendendo melhor, entrando no meio da fisioterapia, para quando me formar estar bem atualizado.

Perguntado sobre as semelhanças e diferenças da equipe de hoje para a campeã da Taça Rio de 2015, Jonathan destacou a presença dos jogadores experientes como uma vantagem do elenco atual.

- Aquele time não tinha os jogadores mais experientes que temos hoje, como o Júlio César e o Souza, e acho que foi isso que faltou para conseguirmos a classificação para as semifinais do Carioca na época. O nosso objetivo é conquistar, sim, a Taça Rio e manter o bom trabalho que fizemos na Taça Guanabara.

Já o curso de Rodrigo Raggio não tem muito a ver com a rotina esportiva. Cursando Engenharia Civil na Universidade Veiga de Almeida, o jogador, que pode atuar como zagueiro, volante ou lateral-direito, tem 20 anos e é uma das revelações da base do clube. Para o jogador, a dificuldade em conciliar essas duas rotinas não é um desafio tão grande quanto o de outros colegas de faculdade.

- No início, muita gente fala que é muito difícil por conta do tempo, mas meu pai vem me incentivando e me orientando para continuar. Tem muita gente que trabalha em tempo integral, de 8h às 18h, e vai direto para a faculdade. Eu pelo menos só tenho trabalho de manhã e tenho a tarde livre, então não tenho tanta dificuldade em conciliar.

A história de Rodrigo Raggio no clube começou em um despretensioso futebol entre amigos. O jogador foi visto por um empresário atuando em uma pelada na Barra da Tijuca, bairro da zona oeste do Rio de Janeiro e, de lá, foi convidado para participar de uma peneira do Madureira. Foi aprovado no teste e, desde então, faz parte do clube, onde já foi relacionado para algumas partidas como profissional na Copa Rio do ano passado.

Como não poderia deixar de ser, o fato de ser jogador de futebol desperta a curiosidade de algumas pessoas na faculdade.

- Eu sou muito fechado lá, mas os amigos que eu tenho na faculdade sabem que eu sou jogador, alguns professores sabem também e me orientam. Eles perguntam como está o clube, perguntam como é o Souza, e tudo mais. É maneiro (risos).

Texto e fotos: André Soares/Madureira EC



Comentários nesta notícia

MAIS NOTÍCIAS

09-11-2017

Madureira é campeão Carioca Sub-19 de Futsal

Foto: Emerson Pereira/FFSERJ Emoção...

06-11-2017

Léo Lima acerta com o Madureira e reviverá dupla com atacante Souza no clube

Léo Lima está de volta ao Madureira. Grande...

01-11-2017

Madureira reforça corpo médico para a temporada 2018

Da esquerda para a direita: Rogério Alves, Dr....

VER TODAS AS NOTÍCIAS

MADUREIRA TV

Desenvolvido por: